Project Description

Ciklo Hub de Inovação: Programa Open Innovation & Hunting de Startups

Casos de Sucesso

“A parceria, a dinâmica, o formato do evento. Tudo foi fantástico. Atingiu os objetivos propostos e até mesmo uma superação. Nós estávamos trabalhando com dez grandes empresas exigentes, e a Haze Shift veio com uma dinâmica que nós não vimos o tempo passar. Foi um conteúdo muito importante, com entregas propositivas e uma preocupação muito grande com o resultado final.”

Joares Ribeiro

Diretor Executivo (ACEFB)

Haze Shift tem um time muito comprometido, com informações qualificadas e conhecimento. Esse preciosismo de cuidar de toda a jornada, de entregar um material de qualidade, de ser pontual no processo e gerar uma experiência diferenciada  nas ações remotas, percebo  que isso gerou um efeito impactante. Finalizamos o projeto com uma grande oportunidade de trabalhar com startups e muitas conexões com as empresas da região.” 

Jocelei Fiorentin

Consultora de Negócios – Sebrae PR

“Nesse processo do Open Innovation, a Haze Shift preencheu algumas lacunas que a gente tinha. Quando olho para os workshops eu vejo isso: ela conseguiu transformar um processo complexo em uma metodologia simples, mas com uma riqueza de conteúdo gigantesca. A gente percebe que a inovação faz parte do dia a dia e que precisa utilizar.” 

Patricia de Oliveira

Community Manager e Coordenadora do Ciklo 

“Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.”

  • Cliente: Ciklo Hub de Inovação

  • Trabalho: Inovação Aberta

Contexto

Organizado pela Associação Empresarial de Francisco Beltrão (Acefb), no Sudoeste do Paraná, o hub de inovação Ciklo busca reforçar a conexão das empresas de Francisco Beltrão com startups. Para isso, o hub lançou o programa Ciklo Open Innovation by Sebrae, do qual nós da Haze Shift fomos co-facilitadores.

Ao todo, foram convidadas 10 organizações de diferentes áreas de atuação da região do município para participarem do projeto e buscarem novas conexões e negócios com startups. São elas: Webran, Energy Sol, Plastbel, Rumo, Unimed Franciso Beltrão, Supermercados Ítalo, Bonett AgroNutri, Vitral, Prefeitura de Francisco Beltrão, Inviolável Segurança.

O desafio em parceria com o Hub Ciklo

Com o objetivo de promover a cultura da inovação nas empresas locais, o hub de Inovação Ciklo tem como meta gerar pelo menos 3 negócios com startups e 3 de projetos de inovação aberta até 2022.

Para apoiar nessa execução, nós da Haze Shift através do Sebrae Paraná participamos da co-criação do planejamento do projeto e execução. Na primeira fase, fizemos a construção de um Canvas de Projeto, no qual se define a abordagem colaborativa e fazemos a identificação das principais informações que devem estar contidas no projeto, e acompanhamos a idealização de uma marca exclusiva para o Programa Ciklo Open Innovation by SEBRAE.

Em uma segunda etapa, nós da Haze Shift organizamos 4 workshops com as organizações e realizamos uma busca ativa de startups com base no perfil e nas principais dores das empresas, identificadas em pesquisas:

  • Quantitativa, cuja característica é análise de dados e aferida numericamente;
  • Qualitativa, feita com lideranças e stakeholders internos das empresas, com interpretação de dados pelos entrevistadores
  • Quali-quantitativa, combinando as duas abordagens.

Objetivos do projeto

Com o objetivo central de incentivar a cultura da inovação em algumas das maiores empresas de inovação do município de Francisco Beltrão e região, o programa Ciklo Open Innovation by SEBRAE teve algumas das seguintes metas: 

  •  Fazer o diagnóstico de cada uma das empresas em oito dimensões:  cultura corporativa, consumidores, inovação, processos, modelo de negócios, dados, tecnologia, e Covid-19.
  • Promover a inovação aberta e as possibilidades de negócios com startups para as empresas participantes
  • Realizar uma busca ativa de startups, em um processo chamado Hunting de Startups, totalmente direcionado às empresas participantes do Ciklo Open Innovation by SEBRAE.
  • Gerar pelo menos 3 negócios com startups 3 de projetos de inovação aberta.

Como trabalhamos a inovação

Todos nós, em conjunto, definimos um calendário de quatro Workshops com as 10 empresas participantes. Todos os eventos foram realizados online por conta da pandemia de coronavírus e tiveram ampla aceitação de todos os participantes.

Como incentivo ao conhecimento, especialistas em inovação de grandes empresas foram convidados como palestrantes. Participaram executivos da Vale, 3M, 4KST e Mondelez. 

Leia também: 10 dicas para fazer um workshop online. O que aprendemos após 1 ano de pandemia

Nesse sentido, os dois primeiros workshops tiveram o objetivo de oferecer o aprendizado sobre conceitos de inovação aberta e relacionamento com startups, assim como seguir com a realização de entrevistas com as empresas.

Como dinâmica prática, o primeiro workshop incentivou uma oportunidade de autoavaliação das próprias empresas participantes e oportunidades de inovação. Já no segundo, foram concretizados os momentos de descoberta e definição dos desafios para empresas melhorarem a inovação com a conexão com startups.

Com base nos dados e informações obtidas, nas duas semanas seguintes, através do Ciklo  e do SEBRAE , nós da Haze Shift fizemos uma busca ativa por startups com base nos desafios enfrentados pelas empresas. Esse trabalho de Hunting de Startups foi realizado em quatro diferentes plataformas de inovação aberta. Primeiramente, selecionamos 50 startups, fizemos uma curadoria das 20 startups que poderiam se adequar melhor ao diagnóstico das empresas participantes e, em um terceiro funil de filtragem, 12 participaram do evento.

Dessa forma, no terceiro workshop, foi possível oferecer uma visão geral da maturidade das empresas participantes para a realização dos negócios com startups. Como dinâmica prática, houve uma roda de conversa entre os participantes e o repasse individual das empresas sobre seus diagnósticos e resultados. Além disso, ao final, as startups mapeadas foram apresentadas,

No quarto workshop, foi o momento do Match Day entre startups e empresas. as 12 startups participaram são das áreas de Indústria 4.0, Health Techs, Experiência do Consumidor, LogTechs, Visão Computacional, Varejo, People&Analytics, Big Data e de Gestão e Treinamentos de Time. Elas tiveram a oportunidade de realizarem pitches (pequenas apresentações) para as empresas, oferecendo seus produtos e serviços. Após essa dinâmica, também foram realizadas rodadas individuais de conversas entre as empresas e as startups.

Resultados do Ciklo Open Innovation by SEBRAE

Ao todo, em 42 dias úteis de projeto, foram oferecidos quatro treinamentos para co-facilitadores, além dos quatro encontros (workshops) com as dez empresas participantes. Além disso, o Ciklo Oppen Inovation contou com:

  • 42 participantes ativos no programa, fora os organizadores;
  • 50 startups mapeadas conforme as necessidades das empresas, das quais foi feita uma triagem para chegar a 20 e, depois, para 12 startups apresentando piches;
  • Todas as 10 empresas tiveram seus desafios quanto à inovação aberta mapeados;
  • 38 respondentes das pesquisas aplicadas.

Durante a pesquisa de satisfação, a equipe do projeto atingiu nota 10 (a máxima) quando ao Net Promoter Score, que indica a probabilidade do cliente (Ciklo) indicar a nossa consultoria de inovação a outras pessoas. Quanto ao Customer Satisfaction Score (CSAT), que indica a satisfação dos clientes com as entregas, avaliando a qualidade, conhecimento do time, atendimento da Haze Shift, e ao Customer Efforte Score (CES), que mede o envolvimento do cliente com o projeto e interações,  a nota foi 90.

Ciklo Hub de Inovação: Programa Open Innovation & Hunting de Startups

Casos de Sucesso

  • Cliente: Ciklo Hub de Inovação

  • Trabalho: Inovação Aberta

Contexto

Organizado pela Associação Empresarial de Francisco Beltrão (Acefb), no Sudoeste do Paraná, o hub de inovação Ciklo busca reforçar a conexão das empresas de Francisco Beltrão com startups. Para isso, o hub lançou o programa Ciklo Open Innovation by Sebrae, do qual nós da Haze Shift fomos co-facilitadores.

Ao todo, foram convidadas 10 organizações de diferentes áreas de atuação da região do município para participarem do projeto e buscarem novas conexões e negócios com startups. São elas: Webran, Energy Sol, Plastbel, Rumo, Unimed Franciso Beltrão, Supermercados Ítalo, Bonett AgroNutri, Vitral, Prefeitura de Francisco Beltrão, Inviolável Segurança.

O desafio em parceria com o Hub Ciklo

Com o objetivo de promover a cultura da inovação nas empresas locais, o hub de Inovação Ciklo tem como meta gerar pelo menos 3 negócios com startups e 3 de projetos de inovação aberta até 2022.

Para apoiar nessa execução, nós da Haze Shift através do Sebrae Paraná participamos da co-criação do planejamento do projeto e execução. Na primeira fase, fizemos a construção de um Canvas de Projeto, no qual se define a abordagem colaborativa e fazemos a identificação das principais informações que devem estar contidas no projeto, e acompanhamos a idealização de uma marca exclusiva para o Programa Ciklo Open Innovation by SEBRAE.

Em uma segunda etapa, nós da Haze Shift organizamos 4 workshops com as organizações e realizamos uma busca ativa de startups com base no perfil e nas principais dores das empresas, identificadas em pesquisas:

  • Quantitativa, cuja característica é análise de dados e aferida numericamente;
  • Qualitativa, feita com lideranças e stakeholders internos das empresas, com interpretação de dados pelos entrevistadores
  • Quali-quantitativa, combinando as duas abordagens.

Objetivos do projeto

Com o objetivo central de incentivar a cultura da inovação em algumas das maiores empresas de inovação do município de Francisco Beltrão e região, o programa Ciklo Open Innovation by SEBRAE teve algumas das seguintes metas: 

  •  Fazer o diagnóstico de cada uma das empresas em oito dimensões:  cultura corporativa, consumidores, inovação, processos, modelo de negócios, dados, tecnologia, e Covid-19.
  • Promover a inovação aberta e as possibilidades de negócios com startups para as empresas participantes
  • Realizar uma busca ativa de startups, em um processo chamado Hunting de Startups, totalmente direcionado às empresas participantes do Ciklo Open Innovation by SEBRAE.
  • Gerar pelo menos 3 negócios com startups 3 de projetos de inovação aberta.

Como trabalhamos a inovação

Todos nós, em conjunto, definimos um calendário de quatro Workshops com as 10 empresas participantes. Todos os eventos foram realizados online por conta da pandemia de coronavírus e tiveram ampla aceitação de todos os participantes.

Como incentivo ao conhecimento, especialistas em inovação de grandes empresas foram convidados como palestrantes. Participaram executivos da Vale, 3M, 4KST e Mondelez. 

Leia também: 10 dicas para fazer um workshop online. O que aprendemos após 1 ano de pandemia

Nesse sentido, os dois primeiros workshops tiveram o objetivo de oferecer o aprendizado sobre conceitos de inovação aberta e relacionamento com startups, assim como seguir com a realização de entrevistas com as empresas.

Como dinâmica prática, o primeiro workshop incentivou uma oportunidade de autoavaliação das próprias empresas participantes e oportunidades de inovação. Já no segundo, foram concretizados os momentos de descoberta e definição dos desafios para empresas melhorarem a inovação com a conexão com startups.

Com base nos dados e informações obtidas, nas duas semanas seguintes, através do Ciklo  e do SEBRAE , nós da Haze Shift fizemos uma busca ativa por startups com base nos desafios enfrentados pelas empresas. Esse trabalho de Hunting de Startups foi realizado em quatro diferentes plataformas de inovação aberta. Primeiramente, selecionamos 50 startups, fizemos uma curadoria das 20 startups que poderiam se adequar melhor ao diagnóstico das empresas participantes e, em um terceiro funil de filtragem, 12 participaram do evento.

Dessa forma, no terceiro workshop, foi possível oferecer uma visão geral da maturidade das empresas participantes para a realização dos negócios com startups. Como dinâmica prática, houve uma roda de conversa entre os participantes e o repasse individual das empresas sobre seus diagnósticos e resultados. Além disso, ao final, as startups mapeadas foram apresentadas,

No quarto workshop, foi o momento do Match Day entre startups e empresas. as 12 startups participaram são das áreas de Indústria 4.0, Health Techs, Experiência do Consumidor, LogTechs, Visão Computacional, Varejo, People&Analytics, Big Data e de Gestão e Treinamentos de Time. Elas tiveram a oportunidade de realizarem pitches (pequenas apresentações) para as empresas, oferecendo seus produtos e serviços. Após essa dinâmica, também foram realizadas rodadas individuais de conversas entre as empresas e as startups.

Resultados do Ciklo Open Innovation by SEBRAE

Ao todo, em 42 dias úteis de projeto, foram oferecidos quatro treinamentos para co-facilitadores, além dos quatro encontros (workshops) com as dez empresas participantes. Além disso, o Ciklo Oppen Inovation contou com:

  • 42 participantes ativos no programa, fora os organizadores;
  • 50 startups mapeadas conforme as necessidades das empresas, das quais foi feita uma triagem para chegar a 20 e, depois, para 12 startups apresentando piches;
  • Todas as 10 empresas tiveram seus desafios quanto à inovação aberta mapeados;
  • 38 respondentes das pesquisas aplicadas.

Durante a pesquisa de satisfação, a equipe do projeto atingiu nota 10 (a máxima) quando ao Net Promoter Score, que indica a probabilidade do cliente (Ciklo) indicar a nossa consultoria de inovação a outras pessoas. Quanto ao Customer Satisfaction Score (CSAT), que indica a satisfação dos clientes com as entregas, avaliando a qualidade, conhecimento do time, atendimento da Haze Shift, e ao Customer Efforte Score (CES), que mede o envolvimento do cliente com o projeto e interações,  a nota foi 90.

"Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum."

CONTEÚDO RELACIONADO

VER TODOS